inside  Report
CyberTech

A maior fonte de dados, informação e movimentações sobre o mercado de cibersegurança no Brasil

cyber-mockup

Cerca de 40% das organizações do mundo relataram uma ocorrência relevante de segurança cibernética. Isso quer dizer prejuízo e negócios em risco.

Recentes episódios com grandes corporações mostram o tamanho do desafio e executivos de todo o globo têm cada vez mais se voltado para o problema.

 O Distrito , em parceria com outras grandes empresas como a Cisco, lançou o maior estudo mensal sobre o assunto: Inside Cyber Tech

O relatório traz mês a mês dados do mercado, mapeamento de startups, empresas que estão investindo no setor,  novas tecnologias e tendências para ficar de olho e sair na frente. 

Para você liderar e saber tudo que está acontecendo nessa área, estamos disponibilizando de forma exclusiva e gratuita a segunda edição do estudo, que também traz uma análise completa sobre as principais rodadas de investimento, volume de capital investido e panorama de cybersecurity no Brasil e no mundo.

 
Baixe a edição gratuita

Preencha o formulário e baixe gratuitamente!

Ao realizar o download você também está autorizando o Distrito a enviar conteúdos de seu interesse.
Respeitamos a sua privacidade, você pode alterar suas preferências e confira nossa política de privacidade


Baixe também a primeira edição

Mais inteligência para a tomada de decisão

O Inside Cyber Tech surgiu para prover mais inteligência para tomada de decisão e assim poder sair na frente. Nele você irá encontrar, mensalmente, análises sobre as startups que atuam no mercado brasileiro de cibersegurança , quantas rodadas de investimento aconteceram, qual o volume de capital movimentado e quais startups do setor receberam aportes. Baixe o report e esteja  por dentro de tudo o que está acontecendo no setor de Cyber Tech.

 

Cenário

O mercado global de Cibersegurança atualmente é estimado em US$ 167,13 bilhões e é esperado crescer aproximadamente 10,9% por ano até 2029. O Brasil segue ainda em processo de desenvolvimento e amadurecimento, mas a pandemia acelerou o processo de crescimento de um ecossistema que já havia muita expectativa de alta.

Nesse segundo Inside Cyber Tech, além de trazer atualizações sobre o ecossistema das startups que estão transformando o mercado de cibersegurança no Brasil, focamos em trazer soluções especializadas em blockchain dentro do contexto da segurança de informação, e como essa tecnologia está revolucionando o mercado, em diferentes setores, sendo base em algumas soluções nacionais e internacionais.

Panorama das startups

Hoje o Brasil conta com 207 startups com soluções em cibersegurança, divididas em 12 categorias.  Ao todo, startups focadas em segurança cibernética receberam mais de US$ 388 M em aportes desde 2013, com 45 startups investidas.

A startup unico, antiga Acesso Digital, captou no início do mês US$ 120 milhões em rodada series C. Agora, com o valor da empresa avaliado em US$ 1,02 bilhão, ela é a primeira cybertech no Brasil a ganhar o título de unicórnio. O investimento, que foi liderado pela SoftBank e General Atlantic, já tem destino: aquisição de startups nos setores de saúde e educação. 

Impacto do home office

O ano de 2020 transformou o universo corporativo, as organizações tiveram que readequar o modelo de trabalho e continuar garantindo produtividade, sustentabilidade e segurança para seus colaboradores.

 

A virtualização do ambiente de trabalho gerou mudanças no dia a dia das empresas, e a segurança dos dispositivos não teriam mais as mesmas garantias como no ambiente de trabalho tradicional, com firewalls, VPN’s e antivírus corporativos.